6 COISAS QUE NINGUÉM TE CONTA SOBRE O DESFRALDE

O que ninguém te conta sobre o desfralde.

Olá, tudo bem?
Se você está aqui, ou é porque tem filhos e vai passar por esse processo; já passou e veio dar uma olhadinha se é isso mesmo; ou então por pura curiosidade.
Fique a vontade, e vamos interagir!

Talvez você não saiba, eu tenho um garoto de 2 anos e 8 meses, e por volta de 1 ano e 7 meses mais ou menos ele deu sinais de que poderíamos dar início a essa etapa.
Eu, ingênua (haha) comecei, sem neuras, a incentivar o pequeno, porque ele viu seus priminhos indo ao toalete e quis fazer igual.
Achei aquilo o máximo, então fui explicando, mostrando, pedi ajuda do papai e tudo foi fluindo… lendo parece até conto de fadas!
Mas, na prática não foi bem assim. Logo nesse tempo teve um período de vacinas, que quem é mãe e pai sabe o quanto eles ficam enjoados quando vacinados.
Depois disso, tivemos o desmame. Nem preciso dizer que nessas duas etapas retrocedemos!!
Quando passou, segui sem pressa, esperando o verdadeiro tempo dele, ensinando e mostrando os lados negativos de usar fraldas.

Resolvi fazer esse post pra mostrar 6 coisas que ninguém te conta sobre o desfralde, num papo leve, e te mostrar que cada um tem seu tempo, não adianta se desesperar!!

1- Ninguém te conta que pode ser um período de estresse!

Sim, muito estresse porque ele vai fazer xixi na casa da sua amiga, bem naquele tapete chique ou no sofá super  fofinho (tomara que seja só xixi), e isso vai acontecer várias vezes no sofá da sua casa, na sua cama, no tapete cheirosinho que você lavou ou chegou da lavandeira!
Mas, tudo bem! Você não vai morrer por isso.
Eles também poderão sujar as mãos amassando e apertando o tal cocô, e também esfregar essas mãozinhas sujas nas paredes recém-pintadas.
Não se desespere, porque um bom veja e sabão em pó vão te ajudar a deixar tudo PLIM de novo!
Nada é fácil nessa vida, e com a maternidade não é diferente! Você vai aprender.

2- Existem pessoas chatas que vão te constranger em relação ao tempo do desfralde do seu filho!

Que existe gente sem noção, cheio de dar palpite na educação dos filhos dos outros a gente já sabe desde a gestação não é mesmo?
Vai aparecer um parente chato, uma amiga infeliz com aquela frase: “ainda na fralda?” “Porque não coloca essa criança pra fazer no vaso?” e muitas outras frases desagradáveis, mas respire fundo, se conseguir responder delicadamente, rsrs diga que está tudo sob controle e na hora certa vai acontecer!

3- Você vai fazer coisas que talvez tenha visto e achado muito idiota!

Com certeza você já viu algum parente, ou amigo com um filho nessa fase e se deparou com ele cantarolando alguma musiquinha que envolva “cocô ou xixi” haha, dar “Tchau pro cocô” ou até mesmo gritar um “sai cocô” (em ritmo de música)
Sim minha querida (o) você vai inventar músicas, dar parabéns e Tchau pro cocô quase todas as vezes que rolar no penico ou no vaso sanitário!!

4- Você vai querer voltar atrás inúmeras vezes!

Disse lá em cima que interrompi o processo por conta de vacinas e por conta do desmame. Mas não foi só por isso!
Eu desisti várias vezes, e resolvi não me culpar por isso. Teve um período em que fiquei sozinha com ele e ficava duas ou três semanas porque meu esposo que é muito participativo estava viajando a trabalho e por isso não tinha o apoio do pai.
Então imagina como era cansativo toda nossa rotina? Nem por isso eu me sinto pior por ter desistido!
Mas, antes de desistir, pense o motivo e ainda mais na evolução do seu pequeno, ou pequena no impacto que vai ter se você retroceder, no retrabalho, se vai valer a pena, entendeu?

5- Não vai ser fácil!

Pois é, na prática você vai ver que é beeem mais diferente. Não vai ser da noite pro dia que esse processo vai ter FIM! Vale ressaltar que o desfralde noturno vai demorar um pouquinho mais.
Não se preocupe se o filho da vizinha saiu das fraldas com 18 meses, e o seu com 2 anos ainda nem começou dar sinais de que está na hora. Lembre-se que não somos todos iguais e que cada um tem seu tempo e não há problema nenhum. Isso não fará o seu inferior ao dela, isso não existe!
Todas as coisas tem seu tempo, certo? Fique em paz!

6- Você pode e vai se divertir com isso!

Deixei esse por último porque com taaantas coisas negativas em relação a essa etapa, o principal de tudo é o crescimento e a evolução das nossas crianças e nós ficamos muito felizes com cada etapa concluída, com toda fase mesmo que ela seja bem cansativa.
Tenho certeza que você vai sentir muito orgulho do primeiro cocô no lugar certo, fora da fralda rs de quando ele ou ela correr pra fazer xixi sozinho (a) vocês vão vibrar juntos e se divertir também!
Talvez você é marinheiro de primeira viagem como eu e vai descobrir um mercado voltado pra essa etapa, com pinicos de diversos personagens, pra tornar esse momento mais divertido, acentos e protetores descartáveis que você pode levar pra todo lugar e coisas que você nunca imaginou que existisse.

Quero deixar claro que não sou uma pessoa negativa e que meu intuito de escrever sobre isso é levar com tranquilidade uma fase que estou vivendo na prática e dividir com vocês coisas que as pessoas não falam com tanta frequência.
E as pessoa que tem o costume de pressionar as outras ou constranger em determinado assunto, não façam mais isso pelo amor de Deeeus!

Não seja uma pessoa chata e não façam comentários desnecessários!

Você já passou por isso? Me conta como foi?

Beijos e até a próxima!